Feeds:
Artigos
Comentários

Poster II Seminario Cultura Motora 2017-page-001 (1)Seminário_cultura_motora_Viseu 2017 V2.2-page-001Seminário_cultura_motora_Viseu 2017 V2.2-page-002Seminário_cultura_motora_Viseu 2017 V2.2-page-003Seminário_cultura_motora_Viseu 2017 V2.2-page-004Seminário_cultura_motora_Viseu 2017 V2.2-page-005

Carta aos professores de EF – Provas de aferição 2º ano

“Reunião eleitoral da APEF (Associação de Professores de Educação Física) de Viseu realizada no dia 30 de abril, na Escola Superior de Educação de Viseu. Homenagem a Carlos Alberto Ferreira, colega fundador e último Presidente da Assembleia Geral cujo legado profissional e pessoal foi fundamental para a área profissional da Educação Física e Desporto Escolar. Nessa reunião também se discutiram sobre várias perspetivas o futuro da área disciplinar fundamental para a educação integral da pessoa humana, em todos os ciclos da escolaridade. Misturaram-se as visões especializadas em perspetivas diversas, sempre focadas no melhor desenvolvimento do processo de Educação das crianças e jovens. Novo ciclo da APEF de Viseu se abre…”

Abel Figueiredo, sócio n.º 31

17554325_10210169807334531_6584653459561329142_n

Corpos Sociais da APEF Viseu

Biénio 2017/2019

ASSEMBLEIA GERAL

Presidente: Abel Aurélio Abreu Figueiredo – sócio n.º 31

1º Secretário: Luís Miguel Fernandes Amaral – sócio n.º 73

2º Secretário: Álvaro Manuel Almeida Figueiredo – sócio n.º 106

 DIRECÇÃO

Presidente: Maria Helena Almeida Figueiredo – sócia nº 56

Vice – Presidente: Manuela Maria Coelho Antunes – sócia n.º 47

Secretário: Rui Manuel Correia Santos Costa – sócio n.º 103

Tesoureiro: António João Loureiro Amaro – sócio n.º 7

Vogal: Carlos Manuel Palhares Moreira Alves – sócio n.º 76

Vogal: Emília Maria Soares Gonçalves – sócia n.º 54

Vogal: Paulo Jorge Rodrigues Fonseca Silva – sócio n.º 55

Vogal: Leonor Verónica Pereira Serrano Quintal – sócia n.º 90

Vogal: Carlos Jorge Sequeira Duarte – sócio n.º 81

CONSELHO FISCAL

Presidente: Idalino Oliveira Almeida – sócio n.º 44

Vogal: Vítor João Almeida – sócio n.º 19

Vogal: Eduardo Jorge Fernandes Ferreira – sócio n.º 68

Eleições APEF Viseu

Eleições APEF Viseu – 30 março 2017

No âmbito do processo de reativação da Associação de Profissionais de Educação Física, no próximo dia 30 de março a Associação de Professores de Educação Física de Viseu realizará as suas eleições para os órgãos sociais.

Para mais informações contactar apef.viseu@gmail.com ou a página de facebook da APEF Viseu. 

A publicação do documento “Matrizes Curriculares dos Ensinos Básico e Secundário” em finais de maio de 2012, corroborada pela publicação da decisão de que a classificação da disciplina de Educação Física vai deixar de contar para a média final do ensino secundário e para a entrada na universidade já a partir do próximo ano letivo em meados de junho de 2012, tem colocado à discussão estas temáticas.

A APEF de Viseu manifesta publicamente que:

– Concorda com a obrigatoriedade da Expressão e Educação Físico-Motora no 1º CEB;

– Defende a existência de atividades lúdico-desportivas complementares através da Atividade Física e Desportiva nas AEC’s no 1º CEB;

– Concorda com a obrigatoriedade da Educação Física, mas defende que devem ser no mínimo 4 blocos de 45 minutos para poderem ser organizados em formatos de estimulação pertinente ao nível das aquisições neuro-coordenativas fundamentais, da estimulação fisiológica e da educação psicossocial em ambientes desportivos específicos só possíveis de organizar em blocos de 90 minutos;

– Defende o Desporto Escolar como atividade extra curricular de 90 + 90 minutos em torno de atividades diversificadas para os alunos optarem pelas que mais se adequam aos seus interesses e necessidades;

– Defende a existência de programas autárquicos e associativos de oferta desportiva com ambientes diferenciados de forma a estimular a adesão mais autónoma a estes espaços educativos numa sociedade tendencialmente hipocinética e sedentária.

A APEF de Viseu manifesta ainda a posição que a classificação da nota do ensino secundário não deve ser discriminativa relativamente a qualquer disciplina, pelo que deveria ser possível ao aluno escolher do leque de disciplinas feitas, um número pré-determinado das que utilizaria para a classificação final média do secundário.

Alunos com excelentes classificações em Educação Física não podem ser prejudicados pelo seu esforço e dedicação, e pela análise das suas competências no âmbito da Motricidade, tal como alunos com um raciocínio matemático ou linguístico não o devem ser.

Mente sã em corpo são simboliza que competências diversificadas devem ser mensuráveis e dizer que umas são mais úteis que outras não é cientificamente correto, nem socialmente aconselhável.

Por fim, a APEF de Viseu manifesta publicamente que não é exclusivamente pelas razões de saúde biológica que a Educação Física e o Desporto são importantes. É também por razões de saúde psicológica e de saúde social, já que o Desporto enquadrado educativamente e de forma correta é fenómeno ímpar de estimulação completa do ser humano integral: bio-psico-social.

 A Direção da APEF Viseu

Em anexo segue a carta que o Secretário Geral da EUPEA e Presidente da Associação Belga de Profissionais de Educação Física, dirigiu, no dia 6 de Junho de 2012, ao Gabinete do Ministro da Educação e Ciência em resposta à divulgação das matrizes curriculares dos Ensinos Básico e Secundário no sítio da DGE.

Letter to Portugal To the Ministry of Education and Culture from Eric de Boever, EUPEA e BVLO

No passado dia 11 de Junho, o CNAPEF e a SPEF enviaram um novo conjunto de cartas dirigidas à Secretaria de Estado do Desporto, ao Conselho Nacional de Educação, às Sociedades Portuguesas para o estudo da Obesidade, de Pediatria, de Cardiologia e à Direção Geral de Saúde.

Estes documentos têm como objectivo reforçar a estratégia do CNAPEF e SPEF de consciencialização das várias entidades relacionadas com a educação e formação das nossas crianças e jovens para os graves prejuízos associados às decisões recentemente tomadas pelo MEC nas matrizes curriculares para o ano letivo 2012/2013.

Seguem em baixo os links para as cartas enviadas.

Carta CNAPEF e SPEF para Secretaria de Estado do Desporto

Carta CNAPEF e SPEF para Conselho Nacional de Educação

Carta CNAPEF e SPEF para Sociedade Portuguesa para o estudo da Obesidade

Carta CNAPEF e SPEF para Sociedade Portuguesa de Pediatria

Carta CNAPEF e SPEF para Sociedade Portuguesa de Cardiologia

Carta CNAPEF e SPEF para Direção Geral de Saúde